Mastopexia com prótese

As mamas são órgãos que podem ter variações importantes com o tempo, perdendo sua forma e firmeza. Dentre os fatores que levam a essa mudança temos:  gravidez, amamentação, oscilações de peso, envelhecimento e hereditariedade. Além disso, as aréolas podem se tornar alargadas ao longo do tempo, muitas vezes até assimetricas.

A mastopexia, ou lifting de mama, é uma cirurgia que reposiciona aréolas e tecido mamário, removendo excessos de pele e compactando o tecido restante para dar um novo contorno para os seios. É uma boa alternativa para rejuvenescer os seios, deixando-os com uma aparência mais firme e da maneira como você busca.

A mastopexia, como outras cirurgias, é analisada individualmente. Cada corpo tem suas características e uma avaliação é essencial para entender o que você busca e se há a necessidade ou não de fazer esse procedimento.

A cirurgia é composta de várias etapas, todas realizadas cuidadosamente para que não ocorra nada fora do planejado e o resultado seja o melhor possível.

A mastopexia pode ser realizada através de uma variedade de técnicas de incisão. A técnica adequada para você será determinada com base em:

  • Tamanho e forma da mama;
  • Tamanho e posição de suas aréolas;
  • Grau de flacidez da mama;
  • Qualidade e elasticidade da pele, bem como a quantidade de excesso de pele.

Tudo isso é analisado na consulta pré-operatória. Há três padrões comuns de incisão, que são escolhidos de acordo com qual dará o melhor resultado:

  • Ao redor da aréola;
  • Ao redor da aréola, verticalmente para baixo da aréola, em direção ao sulco da mama;
  • Ao redor da aréola, verticalmente para baixo da aréola, em direção ao sulco da mama e, horizontalmente, ao longo do sulco da mama.

Após as incisões, o tecido mamário subjacente é levantado e remodelado para melhorar a firmeza e o contorno da mama. As aréolas são reposicionados e, se necessário, aréolas grandes serão reduzidas através da excisão de pele ao redor. Por fim, a pele em excesso é removida para compensar a perda de elasticidade. Caso necessário, também é possível usar próteses de silicone para melhorar o volume das mamas. Atualmente, utilizamos a prótese de mama dual plane, realizando também internal Bra ( Sutiã interno) e alça muscular, possibilitando assim maior estabilização do implante.

Após a cirurgia, algumas linhas de incisão são escondidas nos contornos naturais da mama, mas outras podem ser visíveis na superfície dos seios. As cicatrizes são permanentes, mas, na maioria dos casos, melhoram significativamente ao longo do tempo e de acordo com seu organismo. As suturas são feitas em profundidade, dentro do tecido mamário, para sustentar a nova modelagem dos seios, e suturas, cola cirúrgica é utilizada para fechar a pele da melhor maneira.

Eu Doutor Felipe quero conversar com você!

Não vai embora sem antes enviar uma mensagem para mim.

médico cirurgião plástico
whatsApp Estou On-line